Video Of Day

NOVIDADES-MOLETOM-DE-JIU-JITSU

Breaking News

32 dicas para encurtar seu caminho até a Faixa Preta de Jiu Jitsu


32 dicas para encurtar seu caminho até a Faixa Preta de Jiu Jitsu


Tudo tem seu tempo!

Para poder tirar a carteira de motorista esperamos 18 anos, fazer faculdade demora no mínimo uns 4 anos, juntar dinheiro para comprar uma casa ou apartamento então.. demora muito mais. Por tanto, chegar a faixa preta de Jiu Jitsu também demora, e nada mais justo que isso, afinal quem pratica Jiu Jitsu sabe toda a complexidade que envolve a arte, e sabe que apenas domínio técnico não é o suficiente.

Ebook - A Origem do Jiu Jitsu



Abaixo listamos 32 dicas para "encurtar" seu caminho até a faixa preta. São dicas que quando mais cedo você aprender e colocar em pratica, mais cedo estará apto a ser condecorado um faixa preta.

Aprenda, a seguir, mais dicas para você encurtar seu caminho até a tão almejada FAIXA PRETA.


1 – Respeite as normas de sua academia, horário, higiene e etc


Entenda que numa escola você tem hora pra tudo: para falar, perguntar, para atender telefone. Uma vez que você entra no tatame, sua vida se resume ao tatame, até que a aula termine.

2 – Evite com todas as suas forças brigar na rua.


Não pense que você é o Super-Homem.

3 – Respeite seu professor como um pai, como alguém que lhe quer bem.


Entenda que os abraços e puxões de orelha estão vindo de alguém que tem mais experiência do que você, independentemente de idade. Certamente ele já passou pelas situações por que você está prestes a passar. Alguns dos conselhos por ele dado vão lhe ser úteis para sua vida inteira.

4 – Respeite seus colegas de treino, com a consciência que cada um tem suas particularidades. 


Todos ali, ainda que diferentes de você, vão ajudar você na sua formação, dentro e fora do tatame.

5 – Crie um ambiente agradável e favorável na academia, e nada melhor para tal do que fazer amigos, e não apenas colegas de treino.


Dependendo da carga de treinos, você vai passar mais tempo no tatame do que na escola ou faculdade, por isso criar laços fortes de amizade e fundamental para treinar empolgado.

6 – Saiba “bater” e evitar ao máximo as contusões.


Por desconhecer as consequências de uma chave de braço ou de um estrangulamento, os faixas brancas sempre tentam resistir ao máximo a posições antes de “bater”. Entenda que muito mais importante do que sair de um golpe encaixado, é não entrar nele.

7 – Não encare a faixa branca como um incômodo.


Lembre que todo mundo passa por isso, até o Hélio Gracie já foi um faixa branca como você.

8 – Perca a vergonha de perguntar.


Pergunte sempre que tiver duvidas, o professor está ali para isso mesmo.

9 – Comece do começo.


Aprenda como se amarra a faixa na cintura diante espelho e pergunte para os mais graduados, para te ajudar.

10 – Tenha o Jiu Jitsu como filosofia de vida, não como uma obrigação.


Se você treinar com prazer, sua evolução será bem mais rápida, e você vai estar mais bem preparado para a próxima faixa.

11 – Atenção aos movimentos.


Toda técnica de Jiu Jitsu baseia-se num conjunto de movimentos. Tais movimentos você aprende com exercícios de repetição que seu professor passa para você manter a postura correta ou até mesmo para você esquentar os músculos e os batimentos. Desprezar movimentos básicos como o “upa”, a virada de quatro apoios, vai resultar num desenvolvimento atrasado de diversas escapadas, inversões e mesmo finalizações. Repita as movimentações passadas por seu professor até que elas estejam realmente fixadas na sua memoria muscular. Depois disso, repita mais algumas vezes.

12 – Caderno e caneta são uteis na academia.


Após cada treino, anote a matéria aprendida. Revise suas anotações depois do treino, e antes do próximo. Se possível, procure filmar você no tatame, fazendo movimentações e treinando com os parceiros. Isso ajuda a ver onde erra mais, e serve também para repassar os estudos em casa, e reter mais as técnicas na mente.

13 – Concentre sua mente e seus esforços em sobreviver.


Aperfeiçoe suas fugas. Afie as defesas Procure ficar confortável nas posições ruins, para assim ser capaz de respirar e pensar como virar a maré, mesmo na pior hora. Com uma defesa afiada, suas finalizações também serão melhores, pois você perde o medo de arriscar e cair numa posição ruim.

14 – A repetição é a mãe do aprendizado!


A única coisa que o faz melhor no Jiu Jitsu são horas de treino. Assimile os golpes. Fazer cem repetições após as aulas, ou antes do treino, como forma de aquecimento, vai ser um ganho enorme para o seu jogo. Repetir a mesma técnica mil vezes um mês vale mais do aprender algo novo todo dia.

15 – Busque a consistência.


Treine o máximo possível. Se for capaz treinar duas vezes por dia, faça. Para tal, porém, alimente-se e descanse de forma apropriada. Um FAIXA PRETA é somente um faixa branca que jamais parou de atravessar a porta da academia.

16 – Foque.


Há um mundo inteiro esperando você dentro do Jiu Jitsu. Vá chegando devagar, com pequenas mordidas. Trace objetivos curtos, como “vou trabalhar para que minha postura não seja quebrada pelo oponente”, ou “vou afiar de vez essa minha escapada por um mês inteiro”. Focar no básico, não vai fazer você aprender a aquele novo armlock voador que você viu na internet, mas no longo prazo você terá um jogo muito mais consistente do que quem não se aprofundou em nada e nem se concentrou em consertar um buraco de cada vez no seu jogo.

17 – Treine sua respiração e preparo.


Alguém já disse que a fadiga torna qualquer um covarde. Cansado, seu oxigênio trabalha menos, e você não consegue se concentrar. Sem prestar atenção, você não aprende. Respire corretamente nas posições ruins, e para isso pratique também com frequência a defesa pessoal, que sempre vai te botar em risco e exigir preparo.

18 – Aprenda com derrotas.


Procure a razão por que você perdeu, e treine aquilo para consertar o mais rapidamente possível. O aluno que hoje dá os “três tapinhas” e volta para mais treino é sempre o lutador duro de amanhã. Acredite que você na próxima vai prevalecer, assimile as lições duras e prossiga.

19 – Ame o que você faz.


A arte suave tem muito a oferecer a você em diversos aspectos da vida, para sempre. Praticar Jiu Jitsu faz você melhorar sua capacidade de resolver problemas, sua autoconfiança, forma física, coordenação, concentração, força de vontade e perseverança. Perceba no que você está mudando, para assim tornar-se cada vez mais apaixonado pela arte.

20 – Entenda por que o movimento funcionou.


Aprenda os conceitos por trás de cada alavanca ou golpe. Perceba o que você está tentando fazer. Isso permite que você adapte cada golpe as mais diferentes situações, de forma cada vez mais automática.

21 – Aprenda a controlar seu ego e vaidade desde já.


Ego e vaidade podem te afetar em dois momentos cruciais na sua vida no Jiu Jitsu: na faixa branca e na FAIXA PRETA. Uma das principais razões pelas quais os iniciantes desistem do Jiu Jitsu é por pura vaidade. No começo, esteja preparado para ser finalizado por parceiros menores, mais fracos, mais velhos ou simplesmente que parecem inferiores a você. Deixe sua vaidade de lado, abra sua mente para aprender e lembre que muitas vezes apren- demos mais nas derrotas que nas vitórias.

22 – Consistência X Intensidade.


Respeite os limites do seu corpo. Mais vale a consistência do que a intensidade dos treinos no inicio. A repetição das técnicas e a presença constante nas aulas vão desenvolver a memoria muscular, coordenação e linguagem corporal necessárias para que você evolua como aluno. Gradualmente, e conforme o desenvolvimento da sua adaptação as técnicas, aumente a intensidade dos treinos.

23 – Instrua-se sobre a história do Jiu Jitsu.


Uma boa forma de entender a arte marcial é estudado seu passado e suas origens. Procure saber sobre a história da família Gracie, os primeiros membros a aprender Jiu Jitsu, as peculiares e modificações feitas para se chegar ao Jiu Jitsu Brasileiro. Assim você vai dar valor a conceitos que antes poderiam ser desprezado, como a técnica capaz de sobrepor a força e o tamanho.

24 – Evite lesões.


O Jiu Jitsu é uma atividade física que trabalha muitos grupamentos musculares assimetricamente num mesmo momento. Uma câimbra aqui, uma dor muscular ali podem ser sinais de que você precisa de descanso. Lembre-se da consistência! Um dia de repouso não vai fazê-lo esquecer o que acabou de aprender. Já uma lesão séria, porém, pode deixar você de molho por um bom tempo, e nada é mais difícil do que retornar o ritmo.

25 – Você é aquilo que você come.


Lembre-se, o Jiu Jitsu como exercício associa movimentos de força, de explosão, aeróbicos e anaeróbicos. Para uma boa performance em aula você necessita de uma boa dose de energia. Antes de recorrer a uma suplementação vitamínica, reveja seu cardápio. Procure se alimentar corretamente, com alimentos e dietas que ajudem a obter energia, construção e recuperação muscular. Leia sobre a Dieta Gracie e outras dietas voltadas para atletas. Uma boa alimentação também ajuda a prevenir lesões, ou se recuperar delas.

26 – Encare o Jiu Jitsu como uma arte marcial, e não apenas como esporte.


Muitos praticantes encaram a atividade somente como esporte, e deixam de aprender mais sobre si mesmo. Observe conceitos próprios desta arte marcial, como lealdade, disciplina, dedicação, respeito, honra, e busque tornar-se um ser humano melhor.

27 – Hora de treinar é hora de treinar.


Deixe na porta de entrada da academia toda sua vida, seus problemas e estresses. Você agora tem uma, duas horas para se desligar do mundo, encontrar consigo mesmo, aprender e se divertir. Ninguém no Dojô tem culpa se sua namorada o perturbou, se seu patrão é um pé no saco, se o carro foi guinchado etc. Não é nos seus parceiros de treino que você vai descontar suas frustrações. Na faixa branca você fará amigos para toda a vida, lembre-se disso.

28 – Atenção à higiene.


Você treina muito, todos os dias, e mal tem tempo para limpar o kimono, que agora ficou com um cheiro de Cheetos com vinagre, totalmente insuportável. Quem vai querer treinar com você assim? Além de tudo, a ureia e acido úrico do seu suor fazem o kimono durar menos da metade do tempo que duraria normalmente. E mais, se você veio do trabalho ou estava ajustando o carro e não cortou as unhas pode virar uma baita inflamação num colega seu, que vai ficar sem treinar. A boa higiene é recomendável não só para você, mas para os companheiros.

29 – Não tenha medo de competir.


Já na faixa branca, quanto mais competir, mais você vai aprender sobre as deficiências no seu jogo. Assim que seu professor der o OK para você competir, faça-o! Lembre-se do item sobre vaidade, e não ligue para resultados. Tente aprender e entender o que precisa ser trabalhado no seu jogo. Peça ajuda a seu professor, faça perguntas, grave suas competições e reveja para achar erros.

30 – Seja agradecido desde o inicio.


Aprecie o esforço e a dedicação do seu professor e assistentes. Preste atenção em como seus novos amigos o ajudam nesse começo. Retribua com lealdade, respeito, e uma boa atitude. Não há como alguém se desagradar com uma atitude positiva. Seu time é sua família agora, seus companheiros de treino, seus amigos. Quando alguém precisar de ajuda, estenda a mão, assim como estenderam quando você precisou.

31 – Tire proveito das adversidades.


Quando comecei no Jiu Jitsu eu treinava com lutadores mais graduados na academia e eles não me aliviavam. Eu batia muito e foi assim que comecei a tentar desenvolver maneiras de sair do sufoco. Como nunca tive força muscular, acabei tendo que me apoiar na técnica, seria impossível me livrar daqueles ataques à base de força ou explosão. E foi ai que me dei conta de conceitos como autoconhecimento e capacidade de observação. Preste atenção nisso desde as primeiras aulas. O ataque está diretamente ligado à defesa e vice-versa. Quando tento finalizar alguém, presto atenção nos movimentos que meu adversário faz para se proteger e analiso aqueles movimentos que conseguem bloquear com eficiência o meu ataque. Ai eu realizo os movimentos do oponente na hora de elaborar as minhas defesas. O mesmo acontece quando estou me defendendo. Tento perceber quais movimentos do oponente conseguem quebrar a minha defesa e assim eu vou aperfeiçoando o meu jeito de atacar.

32 – Olhar de faixa branca.


Você tem que sempre ter uma mente de principiante. Refiro-me a uma maneira de ver as coisas com a qual é possível contemplar qualquer assunto sem julgamentos vaidosos, preconceituosos ou delimitadores. Em outras palavras: se você se considera um sabichão sobre um tema, seja ele qual for, é natural que você se feche a novas considerações. A mente de um suposto expert pode ser prejudicial ao estudo de uma disciplina. Devemos manter sempre um “senso de descoberta” para fazer progresso contínuo.
Quando você pensa que sabe tudo, é impossível lhe mostrar o contrario. Você simplesmente decide parar de crescer. O segredo para evolução no Jiu Jitsu não é a experiência que foi adquirida, mas a atitude de principiante que é mantida. Essa atitude é algo que devemos trabalhar todos os dias de nossas vidas. Curiosidade, Mente aberta, Entusiasmo, Fome de aprendizado e Humildade.

Há sempre o que aprender, mesmo em se tratando de assuntos que você estudou por muitos anos. Um novo jeito de olhar para algo que você considerava antiquado, pode levar a revolução que você vinha procurando, mas não conseguia enxergar pelos olhos de expert. Não deixe a vaidade cegá-lo. A humildade e o “olhar de faixa branca” vão multiplicar as possibilidades para o seu crescimento pessoal e o progresso de seu Jiu Jitsu.

Gostou desta matéria?

Se você gostou desta matéria, com certeza vai gostar do nosso site! matérias, exclusivas, golpes, posições, vídeo aulas, tudo que você precisa saber sobre Jiu Jitsu, irá encontrar aqui no www.muitomaisacaojiujitsu.com.br


E ai, curtiu esta postagem?


Se você você gostou desta matéria, temos certeza que você também vai gostar do nosso canal no Youtube. Postamos vídeos semanais exclusivamente sobre Jiu Jitsu.

Canal obrigatório para amantes da arte suave! Clique no banner abaixo!




Ah, não esqueçe!


Não se esqueça de dar uma passadinha na nossa loja virtual, para conhecer nossas iradas camisetas de Jiu Jitsu. Tenho certeza que você vai curtir!



Confira nossas áreas exclusivas:


Dicas e Conselhos

Finalizações Guarda Aberta / Guarda Fechada / Meia Guarda / Costas / Montada / 100 quilos

Passagens de Guarda

Raspagens

Defesas

Quedas


Curta nossa FanPage e Se inscreva no nosso canal no Youtube


Aproveita e Curte nossa FANPAGE NO FACEBOOK e assine o nosso CANAL NO YOUTUBE

3 comentários:

  1. Excelentes dicas! Muito obrigado!

    ResponderExcluir
  2. Exatamente! Dicas muito importantes. É preciso sempre manter a humildade e a "sede" pelo conhecimento. Obrigado!

    ResponderExcluir